fbpx

Agência Nacional de Petróleo, Biocombustíveis e Gás (ANPG) de Angola Demonstra alta Satisfação com os Resultados Finais da Ronda de Licitações de 2020

Trouvez la version anglaise ici

  • Natacha Massano, Administradora Executiva da Agência Nacional do Petróleo, Gás e Biocombustíveis de Angola (ANPG), anunciou a satisfação da concessionária com os resultados da ronda de licitações na conferência AOG 2021 que decorreu em Luanda nos dias 9 e 10 de setembro.
  • A ANPG irá adjudicar as concessões a 23 de setembro de 2021, para os vencedores da ronda de licitações.
  • O anúncio foi feito durante a AOG 2021, organizado pela Energy Capital & Power, um evento que pôs os líderes angolanos do petróleo e do gás frente a frente com investidores internacionais para discussões que visam acelerar o investimento na indústria energética angolana na sequência da pandemia COVID-19.

A Agência Nacional de Petróleo, Gás e Biocombustíveis de Angola (ANPG) anunciou a sua satisfação com os resultados finais da ronda de licitações de 2020. Os resultados superaram as expectativas da concessionária, apesar dos actuais desafios associados à pandemia global. Durante a conferência, a ANPG afirmou em várias ocasiões que Angola é actualmente o melhor mercado global para investir no sector petrolífero.

De acordo com a ANPG, assim que as concessões de petróleo forem atribuídas aos respectivos vencedores, a actividade no sector irá aumentar e poderá influenciar positivamente o crescimento das operações de petróleo e gás no país e poderá criar novas oportunidades de investimento contínuo, desenvolvimento de competências e evolução socioeconómica. Com esta ronda de licitações, a concessionária direcionou o foco dos campos de alta produção em águas offshore de Angola para explorações onshore, com o objetivo principal de desenvolver um sector de petróleo e gás que seja competitivo na África subsariana.

“Esta é uma indústria de capital intensivo e queremos garantir a criação de oportunidades de investimento para o desenvolvimento das actividades de exploração em terra. Estes resultados cimentam ainda mais a intenção da concessionária em desenvolver fortes capacidades locais de petróleo e gás que irão contribuir significativamente para o objetivo de independência energética de Angola,” disse Natacha Massano, Administradora Executiva da ANPG.

A concessionária espera adjudicar as concessões petrolíferas aos vencedores das licitações no dia 23 de setembro e em simultâneo, estão abertos a receber propostas de investimento para a nova ronda de licitações de oito blocos petrolíferos, dos quais três se situam na Bacia Marítima do Kwanza (blocos 7\21 8\21 e 9\21) e cinco na Bacia Marítima do Baixo Congo (blocos 16\21, 31\21 32\21 33\21 e 34\31) como parte dos esforços da agência para impulsionar a exploração e produção de petróleo e gás em Angola

A ANPG anunciou a nova ronda de licitações na conferência de petróleo e gás, Angola Oil & Gas 2021, um evento onde os altos executivos da ANPG promoveram activamente Angola como o melhor mercado para investir na indústria de petróleo numa era pós-Covid 19. Os representantes da concessionária desempenharam um papel vital em vários painéis de discussão de alto nível, promovendo a posição da Agência como um parceiro crítico na criação de oportunidades de investimento de alto valor na indústria de energia de Angola.

Share This Article

Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on reddit
Share on whatsapp
Share on email
Energy Capital & Power

Energy Capital & Power

Energy Capital & Power is the African continent’s leading investment platform for the energy sector. Through a series of events, online content and investment reports, we unite the entire energy value chain – from oil and gas exploration to renewable power – and facilitate global and intra-African investment and collaboration.

Subscribe to our newsletter

Sign up for latest news and event info

Copyright © 2021 Energy Capital & Power. Privacy Policy · Terms of Use